PATRÍCIA CACAU

Patrícia Cacau

POESIA_DE_FORTALEZA-POETA- PATRÍCIA CACAU

Nome: Patrícia Cacau 

Biografia:

Sânzia Patrícia Cacau

Pseudônimo: Patrícia Cacau

 

Nasceu em Natal-RN, em 1/9/65, com vivência em Fortaleza-CE e Linz-Áustria. Empreendedora social. Escreve desde a adolescência, após oficinas de escrita terapêutica na Central de Escritores em Fortaleza Ceará,

sua escrita se fortaleceu no coletivo Mulherio das Letras Europa, com participação em algumas coletâneas e antologias no Brasil e Europa. Seu primeiro livro individual será lançado em setembro de 2019 no Brasil.

Sua escrita brota das inquietações da alma humana e das vivências do cotidiano.

“Escrever é como respirar através do papel’

Poesias

SEXTOU

 

Para uma noite de sexta-feira, no segure-se quem puder.

Ele me segura direitinho e leva com ele toda a minha paixão.

Vasculha minha mente,

Revira-me de um lado e outro,

Nesse movimento faz pulsar o meu coração em pedaços.

Ele sabe de mim, mais que qualquer outro.

Penetra-me a alma com a sua pontiaguda espada de dois gumes.

No êxtase da palavra escrita.

Me faço sentir cada vez mais próximo.

Num torpor de alegria e medo.

Clamo para descansar sobre ele.

E finalmente ele me cobre de POESIA

AUSÊNCIA

 

E quando longe dos meus versos fico.

Também é ausência.

Que caminho é esse que me surge de repente?

Dia após dia dar-se um rumo que não escolhi.

Dar-se uma pretensão que não concebi.

Dar-se um saudade que também é ausência do que não vivi.

O que não havia sonhado.

Já não controlo os meus rumos .

Porque eles são ausências do que não fui.

Ausência do que não sou,

Nesse caminho imaginário

Há uma realidade abstrata no caminho que passeio todos os dias sem saber aonde vou.

Na ausência de conhecimentos espero que consiga prosseguir

Agarrando-me com força as folhagens do caminho ainda não traçado.

Pois tudo se resume em ausência.

Busco nos meus versos preencher a minha essência.

A POESIA!

é o novo evangelho

Sendo escrito pelas mãos dos poetas.

Num novo tempo onde o amor parece líquido escorrendo entre os dedos.

Poetas ! humanos se transformando em letras.

Letras vestidas de humanos.

Palavras se fazem vivas

Anunciando boas novas.

Transcendendo esses universos de múltiplas culturas.

Somos homens palavras

Eternizadas no papel editado

Chamado livro.

A POESIA!

é a palavra de  Deus uno a passear entre os humanos da nova era.

É preciso resistir

e se fazer Poesia

entre versos e reversos.

Reinventando um novo tempo.

A palavra se fez homem.

O homem se faz  palavra.

Assim somos POESIA 

O melhor que há

na alma humana traduzida.

MULHERES SOMOS

Somos o ventre do mundo,

O buraco negro dos homens,

O mistério da criação habita em nós.

Guardamos o segredo de Deus.

A magia da vida .

Temos o poder de gerar vários seres e cada um com suas particularidades.

Temos mais poder que ousamos suspeitar.

Nos diferenciamos pelo pensamento.

Anos luz em intuição instintiva nata como uma felina fareja.

No Faro fino..

Sentimos no ar, o aroma da atmosfera ao nosso redor.

A fina flor da essência de um Deus único que se reproduz através de nós.

Gerando semi-deuses que habita nesse universo chamado terra.

Somos Mulheres!

A máquina da criação!

E ainda criamos poesia para alegrar nossos dias.

E quando nos sobra tempo somos apenas Mulheres!